Coronavirus. Quais os sintomas e como se proteger

Coronavirus. Quais os sintomas e como se proteger

2019-nCoV é o nome dado a um novo coronavírus que causa doença respiratória potencialmente grave, como a pneumonia. Este vírus foi identificado pela primeira vez em humanos na cidade chinesa de Wuhan, província de Hubei, tendo sido confirmados casos em outros países.

O que são os coronavírus?

Os coronavírus são um grupo de vírus que podem causar infeções nas pessoas. Normalmente estas infeções estão associadas ao sistema respiratório, podendo ser parecidas a uma gripe comum ou evoluir para uma doença mais grave, como pneumonia.

Os coronavírus são um grupo de vírus conhecidos por causar doença no ser humano. A infeção pode ser semelhante a uma gripe comum ou apresentar-se como doença mais grave, como pneumonia

Quando foi detetado o novo coronavírus na China?

Segundo os dados publicados, no final do mês de dezembro de 2019 a Organização Mundial da Saúde foi alertada sobre vários casos de pneumonia na cidade de Wuhan, na China. Alguns dias depois, a 7 de janeiro de 2020, as autoridades chinesas confirmaram a existência de um novo coronavírus (2019-nCoV) na mesma cidade.

Qual é a origem do novo coronavírus?

Segundo as informações publicadas pelas autoridades internacionais, a fonte da infeção é desconhecida e ainda pode estar ativa .

A maioria dos casos está associada a um mercado (Wuhan’s Huanan Seafood Wholesale Market) específico de alimentos e animais vivos (peixe, mariscos e aves) em Wuhan. O mercado já foi encerrado a 1 de janeiro de 2020.

Os primeiros casos de infeção estão relacionados com pessoas que frequentaram este mercado por isso, suspeita-se que o vírus seja de origem animal, mas não existem certezas. Isto porque já foram confirmadas infeções em pessoas que não  tinham visitado este mercado. Existe, assim, a necessidade de maior investigação.

Quais são os sinais e sintomas?

Os sintomas associados à infeção pelo novo coronavírus (2019-nCoV) são:

– febre

– tosse

– Falta de ar (dificuldade respiratória)

– Em casos mais graves pode levar a pneumonia grave com insuficiência respiratória aguda, falência renal, e de outros órgãos, e eventual morte.

Como se transmite?

As formas de transmissão deste novo coronavírus (2019-nCov) ainda estão em investigação pelas autoridades internacionais. A transmissão de pessoa a pessoa foi confirmada, embora ainda não se conheçam mais pormenores.

Qual é o período de contágio?

Ainda é desconhecido o período de contágio. Sabe-se que o período de incubação (até ao aparecimento de sintomas) da doença é de 14 dias.

Qual é o tratamento?

O tratamento para a infeção por este novo coronavírus é dirigido aos sinais e sintomas que os doentes apresentam.

Como me posso proteger?

Uma vez que não foram confirmados casos em Portugal, não estão indicadas medidas específicas de proteção.

Nas áreas afetadas, a Organização Mundial da Saúde recomenda medidas de higiene, etiqueta respiratória e práticas de segurança alimentar para reduzir a exposição e transmissão da doença:

– evitar contacto próximo com doentes com infeções respiratórias

– lavar frequentemente as mãos, especialmente após contacto direto com pessoas doentes

– evitar contacto desprotegido com animais selvagens ou de quinta

– adotar medidas de etiqueta respiratória:

– tapar o nariz e boca quando espirrar ou tossir

– utilizar um lenço de papel ou o braço, nunca com as mãos deitar o lenço de papel no lixo

– lavar as mãos sempre que se assoar, espirrar ou tossir

Fonte: SNS 24

No Comments

Post A Comment

4 × 2 =